12 . 3909-1300 contato@liderserv.com.br

É de extrema importância para um restaurante ou qualquer outro comércio alimentício manter-se longe das pragas urbanas, tanto pelo cliente como pela saúde de quem ali se alimenta, e também dos próprios funcionários. Um estabelecimento nesse segmento que não tenha o mínimo de higiene pode ser processado e até mesmo fechado pela vigilância sanitária.

É obrigatório por lei, que estes estabelecimentos façam o controle de pragas urbanas, ou dedetização, regularmente.

Os restaurantes são os locais preferidos para muitas pragas, pois há muito descarte de restos de alimentos, alimentos fora da validade, entre outros, gerando acúmulo de comida e lixo. Um ambiente propício para as pragas se instalarem.

O responsável pelo restaurante, deve contratar uma empresa dedetizadora, que deverá analisar todas as hipóteses de diferentes pragas para aquele local, e sugerir medidas eficientes para prevenção ou para combatê-las.

Vale lembrar que, esse serviço deve ser feito por profissionais, pois envolve manuseios de produtos químicos e ferramentas específicas, além de conhecimento técnico para identificar as pragas e eliminá-las corretamente.

Assim, o restaurante garante boa higiene, qualidade nos alimentos oferecidos, sem risco à saúde para seus clientes e funcionários. Dados indicam que no Brasil, 4,8% das internações do Sistema Único de Saúde nos anos de 1998 a 2001 foram diagnósticos com infecções intestinais causados por cólera, febre tifoide, amebíase, dentre outras devido a problemas com pragas em restaurante. Por isso, todo cuidado é pouco.

Dicas para evitar a proliferação das pragas:

Lixo: é o grande problema! É importante que se tenha uma coleta seletiva de acordo com cada tipo de material descartado, e que esse lixo não se acumule nem fique por muito tempo ali, principalmente se forem restos de alimentos.

Materiais: os materiais como caixas de papelão, sacolas plásticas, entre outras embalagens são grandes atrativos para ratos e baratas. Portanto, é muito importante descartar rapidamente as embalagens para que essas pragas não se alojem.

Organização: o restaurante precisa ser bem organizado. Tanto no salão, onde é visível para os clientes, quanto nos departamentos internos, como a cozinha. É importante que a limpeza do local e dos armários seja frequente, e a geladeira vistoriada diariamente para verificar se não há nenhum alimento vencido.

Caixa de gordura: em locais com grande produção de comida, é recomendável contratar uma empresa de desentupimento, para fazer a limpeza da caixa de gordura uma vez ao mês. Se ela acumular gordura, pode chamar atenção de muitas pragas e causar grandes prejuízos.